Pesquisa em LivreSocial

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

CPF na nota fiscal

Recebi o seguinte email:
CPF NA NOTA FISCAL
LEIAM DEVAGAR E PROCUREM CAPTAR OS DETALHES DESTA TRAMA
No mês passado, o Governo do Distrito Federal iniciou um programa para incentivar as pessoas a exigir a Nota Fiscal no ato de cada compra.
O negócio funciona mais ou menos assim: você está no restaurante, acabou de fazer sua refeição e vai até o caixa pagar a conta. Neste instante, você menciona que deseja a Nota Fiscal da sua refeição. Então o operador solicita seu CPF (sem CPF não funciona) e emite a nota. Você guarda essa nota e, posteriormente (depois de uns 2 meses), pode consultar um site da Secretaria da Fazenda. Lá vão constar todas as notas que você solicitou, bem como um Crédito a seu favor. Esse crédito que o governo vai conceder a você será usado para diminuir no valor de impostos, como o IPTU e IPVA.
Mas é importante lembrar apenas que a proporção é mais ou menos assim: de R$ 400,00 em ICMS (e não sobre o valor do total gasto), você vai ganhar o desconto de R$ 1,00; ou seja, para que vc ganhe esse R$ 1,00, vc deverá acumular, em gastos, mais de R$ 1.500,00. Está em dúvida? Faça o teste!
Olha a pegadinha ! ! !  Preste muita atenção na jogada do governo.
Você pede a Nota Fiscal, o restaurante paga mais ICMS para o governo. . .
_"Ah! Mas eu vou ganhar um desconto no meu IPVA !"  É verdade.
Você ganha um desconto de R$ 1,00 e paga R$ 10,00 a mais nos seus impostos. Que vantagem Maria leva? Além disso o governo agora estará controlando sua vida, seus gastos, etc.
Cada nota que você pede, você fornece seu CPF, logo o governo tem condições de avaliar quanto foi sua verdadeira renda (independente dela ser formal ou informal). Se você gastou e pediu Nota Fiscal, é porque você tinha dinheiro. E se você tinha dinheiro é porque você ganhou. E se você ganhou, você tem que prestar contas ao "Leão". Consequentemente, isso vai acabar gerando mais Imposto de Renda para cada um de nós.
Note que essa jogada não é só do GDF. É uma iniciativa do Governo Federal juntamente com todos os estados do Brasil. Tudo está acontecendo sorrateiramente.
Sem que ninguém perceba, o governo está assumindo o controle total sobre a vida financeira de cada cidadão. Tenho fé que ainda possamos perceber e escapar dessa armadilha.
DIGA NÃO à Nota Legal. Não temos SAÚDE, não temos EDUCAÇÃO, não temos TRANSPORTE COLETIVO E AINDA VAMOS PAGAR MAIS IMPOSTOS... ESTÁ BEM CLARO: ELES FICARAM SEM A CPMF E LOGO CRIARIAM  ALGO SIMILAR... E ESTA É AINDA PIOR, POIS CONTROLA SUA VIDA... LHE DÁ FALSO PODER DE DESCONTO.. TUDO UMA GRANDE JOGADA.... FAÇA SUA PARTE E DIGA NÃO AO PROGRAMA NOTA LEGAL.
Já somos "escravos" do governo por ter que trabalhar 4 meses de cada ano só para pagar impostos (sobram apenas 8 meses para sustentar a família).
Imagine se eu permitir que o governo tenha controle total sobre minha vida. Aí que eu vou ver o que é ser "escravo"!
Por favor, repasse esta mensagem a toda a sua lista de e-mails. Seus amigos precisam saber disso. Somente unidos é que podemos nos defender desse golpe.
Espero que esta mensagem chegue às mãos de um "boca grande", que seria a pessoa ideal para "colocar a boca no trombone". Se dependermos do restante da imprensa e da mídia, estamos "ferrados e mal pagos".
Dilson de Paula
CRC-DF 8346
 IMPORTANTE
"O QUE MAIS PREOCUPA NÃO É O GRITO DOS VIOLENTOS, DOS CORRUPTOS, DOS SEM CARÁTER, DOS SEM ÉTICA. O QUE MAIS PREOCUPA É O SILÊNCIO DOS BONS".

Este controle da vida do indivíduo a partir da nota fiscal está tremendamente enganado.

Se o cidadão recebe salário ou pagamento pelo banco, compra com cheque, com cartão de crédito, com financiamento ou com débito bancário, sua atividade financeira já é rasteada pelo banco central, seja com nota fiscal identificada ou não.

A identificação do CPF na nota fiscal é realmente um esforço de aumentar a arrecadação, já que o brasileiro tem o descuidado hábito de não solicitar a nota fiscal  nas suas compras. Se a nota não é emitida, o comerciante não tem obrigação de recolher para o estado.

Neste momento, muitos devem estar pensando que sou a favor dos políticos corruptos, etc, etc. Eu entendo que cada político é um empregado meu (http://livresocial.blogspot.com/2011/07/ah-povo-brasileiro-ate-quando-voce-vai.html). Se eu não estou satisfeito com meu empregado, ele deve ser despedido. Se nosso político não é satisfatório, deve ser substituído. Pensando desta forma, se eu sou o dono de casa, e ela não está funcionando do meu jeito, eu devo contratar mais funcionários ou devo pensar no que pode ser feito para estabelecer a ordem?

Infelizmente, sempre ouço que não temos condições de fazer isso, que o povo sempre sofre, que o político é ruim mesmo. Vejamos:
- O brasileiro desperdiça/vende seu voto, frequentemente
- Políticos com histórico negativo são frequentemente reeleitos
- Depois de contratado (eleito), este nosso empregado (político) faz o
que quer, inclusive define que PRECISA ganhar mais, já que nós deixamos que ele faça isso.

Muitos perguntam agora, "e o que eu posso fazer"? Eu vejo aqui que o brasileiro se organiza ao redor da mesa do bar, resolve todos os problemas do mundo, se levanta e torna a murmurar contra seu destino.
Mas volta para votar nos mesmos nomes, sabendo que as mesmas coisas vão acontecer. E depois, ficam reclamando como os políticos (nossos EMPREGADOS) são maus!!!

Povo brasileiro, ou nós paramos de APENAS murmurar e começamos a fazer algo REALMENTE eficaz, SABENDO ou PROCURANDO SABER o que realmente precisamos ter/fazer, ou continuaremos apenas murmurando.

  • Que tal deixar as paixões inflamadas pelos reality shows idióticos, que transformam nossas cabeças em pudim?
  • Que tal deixar as paixões inflamadas pelo futebol, que paga salários astronômicos a poucos e arrasta multidões em transes coletivos impressionantes?
  • Que tal deixar de chorar copiosamente pel@ personagem da novela, que vive uma realidade diferente da nossa, ainda que muitos de nós se apressem a chegar em casa para não perder mais este capítulo da
  • novela?
  • Que tal deixar de arranjar alguém para pôr a culpa e assumirmos nossa responsabilidade (ou falta de)?

Povo deste país, ou nós nos organizamos para mudar, ou nós assumimos esta vida de dente de engrenagem, entendendo que nascemos para isso e nunca poderemos ser diferente. E para mudar, não precisamos de
políticos. Não precisamos CONTRATAR (eleger) mais EMPREGADOS (políticos) para organizar nossa casa, mas precisamos assumir o papel de DONOS DESTA CASA.

Gabriel Pensador escreve em "Até Quando"?
Até quando você vai ficar usando rédea?!Rindo da própria tragédiaAté quando você vai ficar usando rédea?!Pobre, rico ou classe médiaAté quando você vai levar cascudo mudo?Muda, muda essa posturaAté quando você vai ficando mudo?muda que o medo é um modo de fazer censura

Um comentário:

Anônimo disse...

Giba neles!!!!!

Notícias Linux

Dicas-L: Dicas técnicas de Linux e Software Livre

Ubuntu Dicas

Security Fix

 
Creative Commons License
Blog Livre e Social by Gilberto Martins is licensed under a Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil License.